terça-feira, 13 de abril de 2010

Via DN: Senador enaltece a ação legislativa.

Nas entrelinhas do discurso de Tasso, está uma crítica à ex-ministra Dilma que não tem experiência legislativa
.
Uma candidatura do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) ao Governo do Estado Ceará ainda não está completamente descartada. Isso foi o que declarou ontem o senador Tasso Jereissati, antes de participar de um congresso de vereadores em Fortaleza.
Ele espera que até o fim deste mês o quadro político estadual esteja claro porque se o deputado federal Ciro Gomes for candidato à presidência da República teremos, pelo menos, três palanques no Estado sendo um do PSDB para José Serra, um do Partido dos Trabalhadores (PT) para Dilma Rousseff e um do Partido Socialista Brasileiro (PSB) para Ciro Gomes. Declarou ainda Tasso Jereissati que estará no palanque de José Serra, esclarecendo que atualmente o presidenciável do PSDB conta com palanque em 80% dos municípios cearenses.
Nas declarações que prestou à imprensa Tasso Jereissati disse que já conversou algumas vezes com o governador Cid Gomes, mas não há definição até porque ainda será preciso colher a opinião dos deputados, prefeitos e vereadores do PSDB.
Sobre a visita da ex-ministra Dilma Rousseff que ontem recebeu o título de cidadã de Fortaleza o senador Tasso Jereissati ironizou e disse que achava bom que a candidata Dilma viesse conhecer o Ceará. "Não sei se ela conhece, mas é bom que ela comece a conhecer as pessoas aqui, conhecer o ambiente". Disse ainda que uma visita como esta, na opinião dele, é quase que afronta direta ao Ciro. Mas, é bom que ela venha conhecer. Quem sabe daqui para o fim da campanha ela conheça a gente melhor", ironizou.
.
Experiência
.
Depois de destacar a atuação do vereador, Tasso confessou que só veio conhecer a política quando entrou no Senado, depois de 12 anos de mandato como governador. Revelou também que hoje conhece muito melhor a função do legislador e nenhum legislador tem um sentimento melhor sobre o que acontece no dia a dia da sociedade do que o vereador.
Durante a exposição Tasso confessou que cometeu erros e injustiças em função de uma visão equivocada dos legisladores. Lembrou que começou a vida política de maneira diferente, fruto de uma circunstância existente na época. Então, entrou na vida política como candidato a governador, sem nenhuma vivência política e isso fez muita falta porque pagou caro, sofreu muito e errou muito por não ter a vivência e a experiência do Legislativo, enfatizou o senador cearense.
.
Fonte: Diário do Nordeste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Equipe do Blog do Deuzinho recomenda:
Leia o post antes de comentar;
É livre a manifestação do pensamento desde que não abuse ou desvirtue a imagem do Blog ou do Deuzinho Filho;
Pede-se apenas tolerância e bom-senso dos comentaristas;
Não vamos aceitar xingamentos, palavras de baixo calão ou ataques ofensivos de adversários políticos;
Não será tolerado nenhum tipo de ofensa, desrespeito, ou em desacordo com as regras do Blog ou algo do tipo: criticar os leitores ou falar mal do Deuzinho Filho (aqui, nem pensar!).
Se preferir use o e-mail:

verdeuzinho@gmail.com